Pontos de partida, pontos de chegada: impacto de variáveis sócio-culturais no ingresso ao Ensino Superior
 
 

Pontos de partida, pontos de chegada: impacto de variáveis sócio-culturais no ingresso ao Ensino Superior


Year: 2004
Authors: Saavedra L, Almeida LS, Gonçalves A & Soares AP
Editor: Cadernos do noroeste. Série Sociologia
Publisher: Universidade do Minho. Instituto de Ciências Sociais
Link: http://hdl.handle.net/1822/4227
Keywords:
Tomando a generalidade dos alunos que em 2002/03 se inscreveram na Universidade do Minho (1ª Fase do Concurso Nacional de Acesso), este estudo analisa o impacto de algumas variáveis demográficas e socioculturais dos alunos em vários dos seus comportamentos e decisões relativos à escolha do curso/universidade. Verificando-se uma progressiva democratização no acesso ao ensino superior, bem como uma maior feminização do seu corpo discente, os resultados obtidos apontam para uma influência estatisticamente significativa por parte de tais variáveis. Os alunos diferenciam-se percentualmente, segundo o género, na frequência de certos cursos maioritariamente masculinos e femininos, confirmando o viés sexual na escolha de cursos. Observa-se, ainda, o efeito do nível sociocultural das famílias de origem nas razões invocadas para a escolha da Universidade do Minho.
< Back
Visitors' rating
0,0  (0 votes)

Rate this content

Submit your rating

Share your thoughts

Comments

No comments yet.
 
 

PARTNERS

University of Jyväskylä, Finland
Universitatea din București
Università degli studi di Bergamo
University of Bristol
Instituto politécnico de Leiria
Equipo de Desarrollo Organizacional - UAB
Erasmus+